Evolução negativa do mercado farmacêutico prejudica acesso ao medicamento

Perante as alterações legislativas que têm ocorrido relativamente ao regime de preços dos medicamentos de uso humano sujeitos a receita médica e dos medicamentos não sujeitos a receita médica comparticipados, a APIFARMA – Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica, lembra, em comunicado de imprensa, que o protocolo assinado em Março de 2011 com o Governo da República, que trava o crescimento dos gastos públicos com medicamentos, tem controlado a despesa do Serviço Nacional de Saúde (SNS).
Ler mais...

Publicada lei que põe fim a bloqueio à entrada de genéricos

Sistema de arbitragem de conflitos permitirá poupar até 100 milhões de euros por ano, calcula a Associação Portuguesa de Genéricos.
Ler mais...

Farmacêuticas impõem novas regras de pagamento aos hospitais

Os hospitais com dívidas estão a ser forçados a cumprir novas regras para continuar a receber medicamentos dos laboratórios.
Ler mais...

Genéricos: poupança de 1,7 mil milhões de euros em sete anos

Em sete anos, a poupança gerada pela utilização de genéricos em Portugal já terá ultrapassado 1,7 mil milhões de euros, apesar de a quota de mercado destes medicamentos ainda ser inferior a 20%, concluem dois especialistas em Farmácia, num artigo publicado na última edição da Revista Portuguesa de Farmacoterapia, avança o jornal Público.
Ler mais...

Laboratórios podem suspender fornecimento de medicamentos aos hospitais

O crescimento da dívida e a ausência de um calendário de pagamento por parte do Estado levam a associação do sector farmacêutico (Apifarma) a "temer" cortes nos fornecimentos.
Ler mais...

Orçamento de Estado para 2012 - Cortes nas comparticipações dos medicamentos

O que muda na Saúde com o Orçamento do Estado para 2012:

Ler mais...