Mais de 700 medicamentos vão baixar de preço em Abril

A Ministra da Saúde garantiu que “o acordo celebrado entre o ministério da Saúde e a Apifarma não proíbe a descida dos preços dos medicamentos. Pelo contrário, a indicação que temos é que para o próximo mês de Abril, 747 apresentações vão baixar o seu preço”.

Perante os deputados da Comissão Parlamentar de Saúde, Ana Jorge reafirmou que apesar da suspensão da revisão anual do preço dos medicamentos, os laboratórios estão a efectuar descidas voluntárias que vão produzir efeitos já em Abril.

A ministra da Saúde garantiu que “o acordo celebrado entre o ministério da Saúde e a Apifarma não proíbe a descida dos preços dos medicamentos. Pelo contrário, a indicação que temos é que para o próximo mês de Abril, 747 apresentações vão baixar o seu preço”.

A ministra defendeu ainda que muitos medicamentos já baixaram de preço, mas o CDS, pela voz de Teresa Caeiro, apresentou exemplos contrários. De acordo com a deputada centrista, houve uma variação de 100% no preço de medicamentos contra o colesterol e a tensão alta nos últimos seis anos. Teresa Caeiro salientou o elevado custo de medicamentos contra o colesterol, que custam 45 euros os de marca e 26 euros o genérico.

A deputada Teresa Caeiro distribuiu pelos deputados uma folha de papel com vários exemplos de medicamentos que ficaram mais caros para os utentes de 2005 para 2011.

Fontes: Rádio "Renascença" e autor em 23 de Março de 2011