Medicamento 'made in Portugal' licenciado para o Japão

Farmacêutica Bial acaba de licenciar à japonesa Ono o segundo medicamento 'made in' Portugal. Depois da aposta na epilepsia, foi a vez da doença de Parkinson.
A Bial licenciou, em exclusivo, à japonesa Ono Pharmaceutical Co. o desenvolvimento e comercialização no Japão de um novo medicamento para a doença de Parkinson, o Opicapone.
Trata-se do segundo medicamente de patente portuguesa, depois de a Bial ter lançado o Zebinix, o primeiro remédio made in Portugal para o tratamento da epilepsia e já comercializado em diversos países.
Segundo o comunicado de imprensa da farmacêutica nacional, "com este acordo de licenciamento, a Ono fará à Bial um pagamento inicial, a que acrescem novas parcelas no seguimento do desenvolvimento do fármaco".
O Opicapone está em fase III de ensaios clínicos, que consiste nos testes finais que visam comprovar a eficácia e determinar o grau de tolerabilidade e a segurança do novo medicamento.
Finalizada esta fase (muito dispendiosa), o medicamento será sujeito a registo junto das autoridades regulamentares do sector do medicamento para aprovação e posterior comercialização.
Fontes: Jornal "Expresso" e autor em 18 Abril de 2013